Arquivo da categoria: Uncategorized

Olhemos para a senhora Kramer

Olá pessoas! Tudo bem com vocês!

Hoje quero falar novamente sobre um filme que eu já fiz um post há uns três anos atrás: Kramer X Kramer (1979). Quando eu escrevi sobre este filme, eu ainda não era mãe, nem grávida eu estava, na verdade, engravidaria pouco tempo depois e no ano seguinte nasceu minha Helena. Mas não quero falar sobre minha vida de mãe aqui e sim de como minha perspectiva em relação a este filme mudou, após ter tido filho e deixar de trabalhar fora, sito há quase dois anos.

Corri lá no post e fui ver se eu tinha escrito muita m*****. Para minha surpresa, até que eu me saí bem (seria o instinto materno já aflorando?) O fato é que já li algumas críticas sobre filme e até eu mesma tinha esta visão de enaltecer o Sr. Kramer e maldizer a insensível senhora Kramer por abandonar seu filho, seu marido, seu lar perfeito. Hoje porém, entendo perfeitamente esta mulher! Calma gente, eu não vou sair de casa, não vou abandonar minha filha e nem meu marido (embora muitas vezes dê vontade de jogar tudo por alto por alguns segundos!) Naquela época eu não entendia, hoje eu diria pra ela: Vem cá miga, me dá um abraço forte! Tamo junta!!!

Hoje consigo imaginar o tédio vivido por Joanna Kramer após 5 anos dedicados ao filho e aos trabalhos domésticos, tendo sua vida resumida a esperar o marido voltar do trabalho. Fico pensando quantas Jonnas existem neste mundo! Mulheres para quem o mercado de trabalho se fechou após serem mães. mulheres que tiveram que abdicar de suas carreiras pois as empresas não veem com bons olhos mulheres que tem filhos pequenos (mesmo as gerenciadas por outras mulheres, que por vezes se mostram tão ou mais insensíveis com outras mulheres). Muitas são demitidas após voltarem da licença maternidade ou são obrigadas a largarem o emprego pouco tempo depois, pressionadas por uma sociedade que quase 40 anos depois de Kramer X Kramer não entende que a mulher pode ser boa mãe e boa profissional e que cuidar de filho também é obrigação de homem! Mas é engraçado perceber que ainda hoje, achamos lindo o que Ted Kramer faz o colocando no posto de herói!! Mas espere aí: Não é exatamente isto que Joanna fez no últimos 5 anos? Cuidou do pequeno Billy? Mas porque ninguém enaltece isto? Porque ninguém vê isto? Porque ninguém aplaude? A resposta é ao mesmo tempo simples e complexa. Simples porque Joanna Kramer foi se tornando invisível após a maternidade e complexa porque a gente vai se acostumando com esta invisibilidade. É a pouco falada mas muito sentida solidão materna!  É sentir que a vida de todos voltou a normalidade, menos a sua! Na última entrevista de emprego que fiz, lembro que a primeira pergunta foi: Você pretende ter filhos? Tenho certeza de que nem meu marido e nenhum outro homem nunca fiz questionado a respeito disto. O motivo? As empresas acreditam que criar filho é tarefa exclusiva dá mulher e elas não querem uma funcionária de licença e muito menos faltando ao trabalho para cuidar da cria com febre ou saindo mais cedo para amamentarem. Queridas empresas eu só tenho algo a dizer: mulheres engravidam quer vocês queiram, quer não!!!

Assisti uma crítica deste filme no You Tube dias atrás e alguém disse que Joanna havia abandonado o filho, eu rebati dizendo que ela havia o deixado com o pai e isto não é abandonar.  Criticaram também  a atitude do tribunal ao devolver o filho para ela só pelo fato de ela ser mãe! Como assim ser mãe é qualquer coisa? É MUITA COISA gente!!!! E bota coisa nisto!!!

Ontem foi comemorado o Dia Internacional da Mulher e eu fico me perguntando se temos tanto assim a comemorar. Kramer X Kramer continua sendo atual, mas eu convido você a assistir este filme sobre o olhar de Joanna!!! Tenho certeza de que ao final você nunca mais verá este filme da mesma forma.

 

Leia o que eu escrevi sobre o filme em 2014 ((Clique aqui)

 

Anote esses nomes ! Dez diretores para ficar de olho.

Do blog Cinema, música e café.

Cinema, música e café.

Uma pequena lista com Dez diretores que começam a surgir com carreiras promissoras, anote os nomes deles no seu caderninho para acompanhar seus futuros lançamentos .

 1 – Robert Eggers18-robert-eggers-chatroom.w1200.h630

Considerado a grande revelação do cinema de terror, Robert Eggers surgiu para o mundo com o excelente A bruxa de 2016 , pedida obrigatória para quem quer um bom filme de terror que fuja dos clichês do gênero como os susto gratuitos e vultos passando nos espelhos. O clima macabro da floresta onde o longa foi gravado junto com uma excelente fotografia e uma boa trilha sonora fazem de A bruxa um filme perturbador e que da a sensação de que “não deveríamos estar assistindo isso “, se Robert Eggers se tornará um grande diretor do cinema de horror só o tempo dirá, mas podemos dizer que A bruxa é um ótimo começo. Fique de olho também na atriz argentina…

Ver o post original 979 mais palavras

Desenhos que poderiam virar filme- Cavalo de Fogo

download (7)

Rainha Sarana

download (7)

images (8)

Ellen, melhor amiga da Sara

brioso2

Brutus, uma espécie de Uni do Caverna do Dragão! Sempre aprontava.

download (4)

Dorin, melhor amigo da Sara

♪No meu sonho eu já vivi um lindo conto infantil, tudo era magia, era um mundo fora do meu, e ao chegar deste sonho acordei…♪

Se você leu a frase acima cantando é porque primeiro você está ficando velho e segundo é porque você teve a melhor infância de todas!!!!

O trecho musical acima é do tema de abertura de um dos meus desenhos preferidos: Cavalo de Fogo, produzido pelos estúdios Hanna- Barbera há mais de 30 anos, em 1986, pra ser exata. Apesar do grande sucesso e de eu ter assistido este desenho por muito tempo, ele contou apenas com 13 episódios!!!!

A história da princesa Sara e de seu inseparável amigo Cavalo de Fogo é sem dúvida uma das minhas melhores lembranças de uma época em que a criança tinha muito espaço na televisão aberta, ao contrário de hoje, em que somente o SBT ainda tem uma programação infantil (bem aquém do ideal, mas ainda assim melhor do que nada). A Rede Globo, maior emissora brasileira simplesmente cortou toda programação infantil.

Aproveitando que sou uma super fã do desenho, sugiro que ele se transforme em filme e até escolhi um possível elenco.

sarah

Elle Fanning- Princesa Sara

princesa sarana

Kate Hudson- Rainha Sarana, mãe da Sara

diabolim

Sandra Bullock- Diabolim, a malvada da história

alvinar

Ian Mckellen- Alvinar- Mentor da princesa Sara

jack gleeson dorin

Jack Gleeson- Dorin- Melhor amigo da Sara

images (9)

Demi Lovato- Ellen, melhor amiga da Sara

pai

George Clooney- Pai gato da Sara

download (4)

Cavalo desconhecido- Cavalo de fogo

E aí gostaram?

Desenhos que deveriam virar filme

Olá pessoas!!

Quero fazer uma série aqui (se minha falta de tempo permitir) sobre desenhos que na minha opinião deveriam virar filme.

Eu começo com um desenho que eu adorava assistir nos áureos tempos em que era criança: Caverna  do Dragão. O primeiro episódio foi ao ar em 1983 ( gente, o desenho tem quase a mesma idade que a pessoa que vos escreve) e contou com 27 episódios distribuídos em 3 temporadas, até o final da série em 1985.

O desenho conta a história de seis crianças norte americanas que ficam perdidas em um outro mundo, após um passeio no parque, mais precisamente na roda gigante. A partir daí eles de ganham poderes mágicos e se envolvem em muitas aventuras para tentar voltar ao mundo real.

Já assisti muito este desenho quando passava no Xou da Xuxa , comendo pão com manteiga. Tenho certeza de que seria um sucesso tremendo, inclusive em mostrar o final da série, já que até hoje ninguém sabe se os meninos conseguiram voltar para casa, já que o episódio com o desfecho da história chegou  a ser roteirizado, mas nunca foi feito.

Caverna do Dragão é um desenho muito legal que se tornou Cult ao longo dos anos e por toda sua história e sua legião de fãs ao redor do mundo, merece chegar as telas grandes. De tempos em tempos, muita especulação de que o desenho viraria filme, mas nada comprovado.

Encontrei uma matéria super legal sobre o assunto no site entretenimento Àcido (Clique aqui e leia) que mostra uma sugestão de atores para um Caverna do Dragão brazuca. Achei super legal! O que vocês acharam?

PROJAC-E-se-Caverna-do-Dragao-fosse-filmado-no-Brasil-3.jpgPROJAC-E-se-Caverna-do-Dragao-fosse-filmado-no-Brasil-2.jpg

Fonte: Site Entretenimento Ácido (Clique Aqui )

Eu amei, principalmente o ator escolhido para fazer o Uni (eita bichinho chato que sempre atrapalhava a turminha voltar pra casa!).

E vocês, o que acharam? Qual desenho vocês gostariam, que virasse filme? Comentem aqui!!

Vinte anos do filme Titanic- Parte final

Olá pessoas! Encerrando minha homenagem aos 20 anos de estréia do filme Titanic, trago alguns memes pra gente se divertir.

images-6download-2download-3esta-imagem-foi-retirada-dos-bastidores-do-filme-titanic-viu-9456098images-5

 

 

 

 

 

Então é isto! Espero que tenham gostado!

Beijo!!!

Vinte anos do filme Titanic- Parte I

Em 2017 o filme Titanic, de James Cameron completa duas décadas (sim!!). Então hoje acordei cantando : My Heart Will Go On para comemorar! Lembro bem da histeria que o filme provocou quando foi lançado no Brasil, levando milhões de pessoas aos cinemas que enfrentavam filas enormes só para ver a história de amor entre Jack e Rose, tendo como pano de fundo o naufrágio verídico do RMS Titanic, ocorrido em 15 de abril de 1912.

Uma adolescente que era na época, eu adorei o filme. Hoje, 20 anos depois continuo gostando, embora Titanic seja um daqueles filmes que você não assiste sempre, afinal, são mais de duas horas de duração. Vamos a algumas curiosidades sobre este ganhador de melhor filme de 1998.

Protagonistas- A história gira em torno do romance entre o pobretão Jack e a menina de família tradicional (e falida), Rose. Leonardo DiCaprio e Kate Winslet foram os escolhidos. Kate por sua vez não teve a adesão imediata dos produtores, que a consideravam pouco famosa para um papel de tanto destaque. A atriz inglesa já havia inclusive sido indicada ao Oscar de atriz coadjuvante por sua atuação no filme Razão E Sensibilidade, mas mesmo assim, não era a primeira opção para dar vida a Rose. Mas persistente que sempre foi, acabou conquistando o papel e uma nova indicação ao Oscar, desta vez como melhor atriz.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Leo DiCaprio por sua vez, era o queridinho das meninas ( menos eu, que achava ele muito franguinho) e seria a escolha perfeita para dar ao filme ainda maior visibilidade. Vinte anos depois, ele se transformou em um dos grandes atores de Hollywood e protagonizou também o grande meme de 2016, ao finalmente ganhar o Oscar de melhor ator, após 5 indicações. Seu desempenho em O Regresso foi apontado por muitos como fraco em relação a suas atuações anteriores, mas a campanha em favor de Leo foi tão grande que a gente até acredita que acabou comovendo a academia. #todospordcaprio, #somostodosleo

Kate também faturou sua estatueta em 2009 por sua atuação no filme O leitor.

Música de Celine Dion- Quem nunca cantou My Heart Will Go On enquanto pensava na pessoa amada, que atire a primeira pedra. É brega, mas a gente ama!!! A música de Celine Dion bombou e ganhou até uma versão tupiniquim interpretada por Sandy. Bastava a gente ligar o rádio (não existia You Tube!) para ela estar lá soltando o refrão a plenos pulmões. E quem nunca sonhou em fazer a cena da Rose levantando os bracinhos em cima do navio ao som da música, que atire mais uma pedra.

E claro que a música composta por James Horner e Will Jennings faturou a estatueta de melhor canção original (se não ganhasse a gente ia bater panela!!). Lembro que na escola, dois colegas de classe ficavam cantando a música, com direito a narração do filme e tudo. Saudades da Nádia e do Rafael (por onde andarão?)

Amanhã voltamos com mais da nossa homenagem aos 20 anos do filme Titanic, com especial memes!

Beijão!

Os disparates do Telejornalismo brasileiro- Final

Encerrando este assunto sobre algumas coisas que eu considero difíceis de aceitar no atual cenário do jornalismo da TV, vou falar hoje de um certo Marcão do Povo (que até bem pouco tempo eu nem sabia que existia).

Marcão do Povo é o tal apresentador que chamou a cantora Ludmilla de “Pobre e macaca” durante o DF Alerta. Ele alegou que não se tratava de racismo e sim de uma expressão regional, como se fosse um “não tem onde cair morto”. Depois ele tentou amenizar e disse que ele também era pobre macaco.

Diante da repercussão negativa do ocorrido, o apresentador foi demitido da Record e logo contratado pelo SBT para apresentar o Primeiro Impacto ao lado do menino de ouro de Silvio Santos, o Dudu Camargo.

Em sua estréia, Marcão do Povo já disse a que veio, ao chamar um funcionário da casa de cavalo, diante da demora em passar o VT. Pelo jeito, o Senhor Marcos Paulo Ribeiro de Morais ( seu verdadeiro nome) gosta mesmo de comparar pessoas com animais. Qual será o próximo? Vamos aguardar!

images-84

Os disparates do telejornalismo brasileiro- Parte I

Olá pessoas, como estão? Eu estou muito sumida!!! Mas continuo bem graças a Deus. Vim aqui não para falar de filmes, até mesmo porque tem sido raro assistir algum. O assunto hoje é telejornalismo! Já falei sobre esta questão em outros posts, mas é que a coisa está cada dia me incomodando mais! Faço uma pergunta aos jornalistas de fato (todos aqueles que conseguiram seus diplomas de forma honesta) e também aos futuros jornalistas : O que está acontecendo com o telejornalismo brasileiro?

Eu vou ser muito sincera: não leio jornais impressos! Eu basicamente leio as notícias pela internet e assisto telejornais. No máximo leio o Super Notícia, aqui de BH que custa R$ 0.25 e é bem popular! Assistindo alguns jornais na TV eu fico pensando o que está passando pela cabeça deste povo. Vamos a algumas situações que me chamaram atenção nos últimos meses:

Pedido de demissão- Recentemente a jornalista e âncora do Bom dia Minas, Elisângela Colodeti

virou até meme ao afirmar que pediu demissão da Globo por não aguentar mais acordar cedo, mais precisamente ás 3 da matina para apresentar o jornal. Muitas pessoas criticaram, afirmando que o país está em crise e que a doce Lis não pode se dar ao luxo de dispensar um emprego, ainda mais na poderosa emissora. Eu concordo 100% com a Elisângela! Qualidade de vida em primeiro lugar! Ainda mais em se tratando de uma pessoa que tem um filhinho pequeno em casa. Se não está feliz, pula fora minha filha, é isto aí!

O pedido de demissão da jornalista coloca em discussão a meu ver a necessidade de tantos telejornais, um atrás do outro! Só a Globo tem o Hora 1, depois o Bom dia Minas, depois o Bom dia Brasil, MG TV, Jornal Hoje e depois o Jornal Nacional. Mais trabalho para a classe, você diria. Sim, pode até ser, mais o que me incomoda é a quantidade de notícias fúteis e até mesmo bizarras que são colocadas nestes jornais só para encher linguiça. Tem de tudo: receita de bolo, conversa com psicólogo, dicas de moda e por aí vai.  A Rede Globo ainda não aderiu ao jornalismo catástrofe, estilo Cidade Alerta, Brasil Urgente, entre outros. No dia que isto acontecer é porque a coisa está feia mesmo.

Jornalismo do SBT- Gente, eu acho que o Silvio Santos está caducando. Podem me julgar, eu não ligo. Mas só mesmo a caduquice para justificar ficar a madrugada toda e boa parte da manhã somente com telejornais!!! Agora até melhorou um pouco porque antes eles eram gravados e ficavam simplesmente repetindo as notícias e pior é que a cada bloco, os apresentadores davam bom dia como se o jornal estivesse começando naquele momento! outro disparate foi a contratação do tal dol Dudu Camargo que tem apenas 18 anos e obviamente não possui diploma de jornalista. Reconheço que o garoto melhorou bastante e já não força tanto quanto no início,mas mesmo assim é um absurdo. E pra piorar, ele tem mania de fazer dancinhas e até mesmo subir na mesa durante a apresentação do jornal. Se todas as profissões teoricamente necessitam de diploma para serem exercidas, porque com o jornalismo não é assim? Porque tanta falta de respeito com quem estuda no mínimo quatro anos para assegurar o diploma e muitas vezes não tem sequer uma chance de uma entrevista de emprego na área? E pra deixar a gente mais revoltado, o homem do Baú ainda demite a Joice Ribeiro, esta sim, uma jornalista de fato. Joice eu acredito já estava acostumada aos rompantes de Silvio Santos, já que ela já foi âncora, depois virou garota do tempo (sem ser pejorativa, não tenho nada contras as colegas da Maju), ganhou um jornal aos domingos que fazia um resumo da semana, foi para o Primeiro Impacto ao lago de Karin Bravo, que aliás não foi demitida ( será que Silvio prefere as loiras?) e por último saiu da emissora, perdendo seu lugar para o frangote protegido do dono do SBT.

Estes dois exemplos são apenas o começo de uma série que eu pretendo fazer nos próximo dias ( se minha filha de dois anos deixar,rs).

Espero vocês com seus comentários!!

Beijo!!

Um Grande Garoto/ O Paizão

Imagina dois caras na casa dos trinta e poucos anos que não fazem muita coisa da vida além de correr atrás de belas mulheres? Junte a este cenário a chegada de uma criança que eles acreditam irás ajudá-los a conquistar mais garotas? Pronto, aí está o roteiro de dois filmes da nossa semana dedicada aos pais, ainda que com exemplos meio tortos: Um Grande Garoto (2002) e O Paizão (1999).

Em Um Grande Garoto, Hugh Grant faz mais uma vez um papel inspirado nele mesmo,aquele cara que o tempo passa e ele continua se achando um garotão. No filme ele é Will Freeman que resolve fingir que é pai de um menino de doze anos para frequentar um clube de mães solteiras e assim conhecer umas mamães bonitonas. O filho em questão é Marcus, um garoto de doze anos, nada popular, que sofre buylling na escola, tem uma mãe depressiva e potencialmente suicida e leva uma vida natureba sem nunca sequer ter comido um Big Mac. Este encontro improvável renderá muitas descobertas e claro acabará em uma linda amizade. Will e Marcus vão rever muitos de seus conceitos e aprender a não levar a vida assim a ferro e fogo, afinal, um pouco de responsabilidade e diversão não fazem mal a ninguém.

O Paizão– Aqui temos mais um ator que adorar interpretar seu alter ego nas telonas: Adan Sandler. O boa vida Sonny resolve resolve adotar um garotinho de cinco anos para impressionar a namorada e parecer assim mais responsável (oi?). Claro que no início, Sonny e o pequeno Julian se estranham, mas aos poucos vão se tornando pai e filho na mais perfeita sintonia no melhor estilo Kramer X Kramer.

Um Grande Garoto e O Paizão, dois filmes com argumentos um tanto quanto rasos mais que valem a pipoca e o refrigerante do domingo do dia dos pais.

 

Curly Sue

Olá pessoas. Dia dos pais chegando e a gente vem aqui sugerir um presente simples e barato! Filmes, sim, filmes!! Que tal comprar ou mesmo procurar na internet um filminho top para assistir com ele? Melhor que meias e gravatas, eu garanto! Então vamos as sugestões:

A Malandrinha (1991). Da série filmes que amamos!!! James Belushi (que já foi famosão, mas que atualmente está mais sumido que dinheiro em conta bancária) interpreta o malandro Bill, um cara gente boa mas que nunca teve muita sorte na vida digamos assim. Numa noite pra lá  de animada ele acaba recebendo um presente meio inusitado: um bebê abandonado pela mulher com quem havia saído. Nove anos depois, Bill e Curly Sue (título original do filme) se viram como podem se valendo da esperteza e claro dos encantos da menina, afinal quem poderá resistir aquele rostinho lindo?

A vida deles irá mudar quando conhecem a rica e até então insensível advogada Grey Elisson, interpretada por Kelly Lynch. O restante da história é bem previsível , mas não deixa de ser fofo e eu não deixo de amar!! Bill é sim um grande pai para Curly e quer sempre o melhor para a garotinha!!!

Alisan Porter está perfeita no papel título do filme. A atriz e cantora hoje tem 35 anos (gente do céu!!!), dois filhos e brilhou recentemente ao vencer o The Voice. Antes da volta triunfal, Alisan teve assim como outros antigos atores mirins, problemas com álcool e drogas, mas para a nossa felicidade conseguiu se recuperar!!!

Este slideshow necessita de JavaScript.

Consegui assistir on line Aqui

%d blogueiros gostam disto: