As Sete Máscaras da Morte com o lendário Vincent Price

Muito antes de Seven (1995, direção de David Fincher) ser lançado, Vincent price já fazia o papel do serial killer ( matador em série) em As Sete Máscaras da Morte (1973, Douglas Hickox). O filme protagonizado por Price pode até não ter alcançado o mesmo sucesso da trama estrelada por Brad Pitt na década de 90, porém encontrei alguns pontos em comum entre os dois, apesar das décadas que o separam.

A primeira delas é fazer com que o público acompanhe os passos de um serial killer que escolhe suas vítimas a partir de um ponto em comum. Em Seven, os assassinatos tem como referências os sete pecados capitais (gula, inveja,preguiça, ira, soberba, avareza e luxúria). Em as Sete Máscaras da Morte, price é Edward Lionheart, um ator recalcado que perdeu o prêmio mais importante de sua vida para um ator iniciante e resolve se vingar dos sete críticos que o desprezaram. Suas últimas peças teatrais são a inspiração para os assassinatos.
images
Uma das cenas de Seven inclusive parece ter sido copiada de As Sete Máscaras da Morte em que um homem é condenado a morrer de tanto comer. No filme de Price, a cena é mais grotesca ainda. Edward Lionheart ( notem o sobrenome, coração de leão)  obriga um dos críticos a comer uma torta indigesta feita com os dois cachorrinhos de estimação do pobre homem. E depois para terminar sua vingança, injeta comida goela abaixo do gordinho, assim como é feito com os pobres perus de natal para engordarem.

SEVEN

SEVEN

Uma outra cena de As Sete Máscaras me remeteu a um outro filme que foi lançado um pouco antes, em 1972, O Poderoso Chefão. A famosa cena em que uma cabeça de cavalo ensanguentada é colocada na cama de um dos desafetos de Don Corleone. No filme de Douglas Hickox, não é a cabeça de um cavalo que é cortada e sim a de um dos críticos das peças de Edward Lionheart . A esposa do homem assassinato é quem acorda suja de sangue com a desagradável surpresa.

As Sete Máscaras da Morte assusta claro, mas ás vezes tem uma certa pitada de humor, com cenas meio toscas. Claro que o filme foi feito há quarenta anos atrás e isto talvez explique. Vincent Price, ao contrário de Brad Pitt, nunca foi galã e sua cara  ás vezes assusta, mas as vezes causa uma certa graça.

download

Indico os dois filmes, ambos são garantia de um cinema de qualidade, com ótimos roteiros. E para quem quiser conferir a pequena, mas brihante última participação de Price nas telonas, é só assistir Edward Mãos de Tesoura, de Tim Burton (1990). Price faz o papel do criador do Frankestein moderno interpretado por Johnny Depp. O rei do terror morreria três anos depois, em 1993, aos 82 anos de idade.

Edward-Scissorhands-vincent-price-833644_580_400

Vincent Price em Edward Mãos de Tesoura

download (1)

Ao lado de Johnny Depp

Ps: Agradeço ao meu marido Edgar por me apresentar ao maravilhoso e assustador mundo de Price.

Anúncios

Sobre Uma Jornalista

Formada em Jornalismo pela PUC Minas em 2011.

Publicado em julho 8, 2014, em Uncategorized e marcado como , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: