A culpa é das estrelas e dos clichês!

O filme do momento entre os adolescentes e também alguns mais crescidinhos é o A Culpa é das Estrelas que eu ainda não assisti e nem pretendo ( a não ser que passe na Sessão da Tarde  ). Não vou falar nem bem, nem mal do filme porque se não assisti, não posso julgar e talvez eu até queime minha língua por desprezá-lo. Vou falar apenas da temática: história de amor em que um dos pares encontra-se terrivelmente doente. No caso deste filme, os dois estão doentes, aumentando ainda mais a dramaticidade. O filme também inova no figurino ao acrescentar um respirador no rosto da menina.  A questão aqui é  que este tema já foi explorado a exaustão e com certeza é um dos mais clichês da história do cinema. Só citando quatro filmes parecidos: Tudo por amor, Inverno em Nova Iorque, Um amor para Recordar e Doce Novembro.

O  tema câncer na adolescência foi mostrado ( e muito bem) no filme Uma Prova de Amor em que uma menina tem leucemia e não quer mais fazer tratamentos para prolongar seu sofrimento, recusando inclusive a doação de rim de sua irmã mais nova que foi gerada para tentar salvar a vida dela. Aliás, vendo apenas o trailer de A Culpa é das Estrelas percebo que muita coisa foi copiada de Prova de Amor, inclusive a paixão entre os dois adolescentes doentes.

Tenho porém que   admitir que faz muito sucesso , fato comprovado pela bilheteria dos cinemas. os adolescentes amaram a história do casalzinho doente que se conhece na terapia de grupo e claro, acaba se apaixonando.

Talvez o fato de eu não ser mais adolescente contribua ( e muito) para minha falta de interesse na história. Mas eu também fico me perguntando porque temas tão recorrentes acabam fazendo tanto sucesso nas bilheterias e livrarias, já que o filme é uma adaptação de um livro. Na verdade é claro que o livro foi escrito para virar filme depois.

Assistindo ao trailer de A Culpa é das Estrelas uma frase da protagonista me chama atenção: ” Sou uma granada, posso explodir a qualquer momento e destruir tudo ao meu redor.”  Um dos apaixonados tentando afastar o outro da relação, já vi isto tantas vezes.

Será que eu estou ficando insensível com a maturidade?  Porque não me derreto mais com a frase: ”  Você  me deu uma eternidade dentro dos meus dias numerados” ( já vejo esta frase na linha do temo do Facebook ). E logo eu que assisti Tudo por Amor inúmeras vezes? Será que é insensibilidade ou   A Culpa é das Estrelas  é ruim mesmo?

Sei lá viu, mas eu acho que a adolescência é uma fase tão bacana, mesmo com os bullyngs da vida que eu acredito que temáticas mais amenas e sofridas cairiam melhor. Dá saudade dos filmes adolescentes dos anos 80 que mostravam meninos e meninas só pensando em curtir a vida e tudo terminando na noite do baile de formatura.

Termino este post com a frase do menino apaixonado: “A vida é boa Haze Grace”. Sim, a vida é boa, sobretudo para o estúdio Fox que arrecadará milhões de dólares as custas das lágrimas adolescentes.

images (4)

Hazel e seu respirador

images (5)

Frase de efeito direto para a Timeline do Facebook das meninas

download (2)

Casalzinho Apaixonado

images (2)

Que amor! Na saúde e na doença

images (3)

 

 

 

Anúncios

Sobre Uma Jornalista

Formada em Jornalismo pela PUC Minas em 2011.

Publicado em junho 27, 2014, em Uncategorized e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. 7 Comentários.

  1. Olá, bem li seu post sobre o filme e tive que escrever pra você. Na verdade acho que você esta perdendo um bom filme. Devo dizer que não gostei do livro, achei chato não me prendeu, mas resolvi dar um crédito ao filme por pensar que eu estava “insensível” a essa temática toda. E eu me surpreendi.

    O filme é um clichê sim, mas idênticos a tantos outros filmes de Hollywood. O filme A culpa é das estrelas não retrata apenas o câncer entre adolescente, ele vai além disso, ele retrata como pessoas com câncer terminais, que tem seus dias contados podem sim viver, serem felizes e porque não encontrar um amor verdadeiro. Fala de amizade, fala de amor numa forma geral. Você cita que o filme se parece com um outro filme, mas na verdade não se parecem em nada, a única semelhança é que tem um namoro no filme, mas caso você não lembre o filme Uma prova de amor, a menina com câncer queria morrer, queria dar por fim sua vida, depois de anos de batalha.

    No A culpa é das estrelas não, pelo contrario, seus protagonistas queriam viver, queria ter um vida, não desejavam a morte.

    Acho engraçado como se pode dar opinião sobre um filme apenas vendo o trailer. Você leu o livro??? Na verdade, acho que você está se distanciando do filme porque ele é julgado livro de adolescente ou pré adolescente ou de modinha, o que é um pré-conceito seu. Eu tenho 31 anos de idade e posso te dizer que fique apaixonada pelo Gus e pela historia vivida por eles. Frases de impacto todo filme tem, mas julgar um filme pelo trailer é complicado. Você poderia julgar se tivesse lido o livro, mas julgar pelo trailer é como julgar o livro pela sinopse, ou uma pessoa pela roupa que está vestindo.

    Já que você escreve uma pagina sobre isso, te sugiro que veja o filme, para poder dar mais verdade no que você está dizendo e deixe de medos infantis e bobos. Nós adultos (não sei sua idade, mas pelo texto estou deduzindo que você não é mais uma adolescente- vc diz isso) podemos sim nos comover com historias lindas, com historias tristes, com historia recorrentes como um amor entre dois adolescente com câncer, podemos nos comover com a luta de duas pessoas que estão com “os dias contados” a querer viver para estar junto da pessoa que ama.

    A frase que você citou é uma das mais bonitas no livro, e que só quem leu(viu o filme) e se envolveu com a historia vai entender e como vc não passou por nenhum desses estagio, não entendeu

  2. Olá Andreia, tudo bem? Obrigada por ler meu post e comentar. Bom, este espaço é absolutamente democrático e não quero de nenhuma forma ser a dona da verdade, então, todas as opiniões são bem vindas. De fato, eu não assisti o filme, conforme deixo claro e talvez sim, eu tenha outra opinião ao vê-lo. Eu apenas critico a temática, que para mim é bastante recorrente sim. Não vou dizer que vou assistir, mas de qualquer forma fica a dica. E com relação a idade, temos quase a mesma, tenho 32 anos e não tenho preconceito com filmes adolescentes. Espero que você possa continuar a visitar este espaço e será sempre bem vinda.

  3. Olá Raquel, quando vi o trailer do filme não me empolguei nenhum pouco, mas fiquei curiosa do por que este filme ter virado um “sucesso”. Resolvi assistir ele, mas o filme não me surpreendeu com sua história. Li sua opinião sobre o filme e concordo com sua opinião, uma história do primeiro amor de adolescência levando em conta a situação dramática que eles vivem. Assisti e prefiro o filme Um Prova de Amor que aborda muitos outros temas como a estrutura da família toda é afetada, questões de identidade na adolescência, tanto é que vi este filme devido ao trabalho solicitado pelo professor de faculdade. Enfim, minha opinião se compara a sua, os atores principais merecem créditos pela atuação, mas o filme não me emocionou. A luta contra um doença terminal é muito mais sofrida do que retratado no filme. Mas encanta pela temática dramática e pelo romance em que muitos adolescentes sonham e imaginam viver.

    • Oi Bianca! Tudo bem? Obrigada por comentar e principalmente porque você assistiu ao filme. Eu mão critico o filme em sim, mas a temática recorrente realmente me incomoda, principalmente por pegar carona em um tema tão delicado. Como eu ainda não assisti ao filme, posso me surpreender, quem sabe. De qualquer forma, cinema sempre dá muito pano para manga.Esteja sempre a vontade para visitar este espaço!

  4. Olá tudo bem, Realmente concordo e muito com sua opinião ainda bem que tem outras pessoas que concordam com migo eu me interessei pelo filme por que tinha uma Cambada
    de gente no Facebook falando sobre esse tal filme Realmente eu vi e pensei a mesma coisa
    que você Adolescência Doença Amor, e spoiler que não vou contar vai que alguém me odeie.
    Realmente eu sei de vários filmes que é a mesma coisa Adolescência Doença Amor E Talvez um Falecimento… Para dramática do filme…
    Bom não sou adolescente como você disse contribuiu para eu achar o filme ruim…
    Afinal tenho 22 anos…
    Eu não só contra Filmes De Romance mesmo que não seja fã desse tema prefiro Terror ou Aventura ou Ação sendo que os últimos dois são os meus preferidos o Terror fica no terceiro.
    Suspense fica em quarto depois em romance…
    um dos poucos filmes que achei “Bom” foi o Amor para recordar e alguns outros filmes um pouco antigo que nem me recordo. Que achava e ainda acho “Bons”
    Hoje em dia parece que os autores não tem mais Criatividade para criar um filme que não seja Praticamente Igual, Tudo é a mesma coisa Doença Amor e possível falecimento…
    Esse é um dos motivos eu não curtir romance por que é a mesma coisa de sempre.
    eu Assisti 1 hora de filme no Sacrifício depois pulei perto do final por que o Filme era tão CliCHE mais efim.
    Eu Respeito a Opinião de quem gosta mais esse é apenas outro filme que aborta assuntos delicados Sobre Doenças, superação algo que nem foi abordado muito nesse filme e etc…
    Em si se você gosta de filmes romances que é um Amor do nada aparece e Sobre Doença provavelmente você vai gosta desse filme PROVAVELMENTE se você não gosta de filmes clichê então não recomendo assistir esse filme..

    Até hoje eu não entendo como esse filme fez esse Grande Sucesso…

    • Oi Sandro! Obrigado por comentar. Devido ao grande sucesso deste filme, muitas pessoas não aceitam opiniões contrárias. Percebo que partilhamos da mesma opinião e seu comentário é bastante importante para mim. Obrigada!

  5. Assisti o filme esses dias e fiquei embasbacado…ou eu tenho um problema,ou as pessoas tem um problema ou é tudo culpa das estrelas rs.Não gostei do filme,foi um total dessistimulo para eu ler o livro.O filme não tem uma história consistente,fica o tempo todo com o casal.Sou homem e não tenho problema nenhum em admitir q ja chorei em filmes,ainda posso citar alguns filmes:titanic,dançando no escuro…Mas esse não me fez chorar.Tem um filme com a cameron dias,a filha dela tem cancer,não lembro o nome,esse filme tb me fez chorar muito,e esse filme é maravilhoso,quem ta chorando em a culpa é das estrelas pode assistir esse com a cameron q vai chorar muito mais,”e o filme tem uma história muito boa”,não fica se prendendo apenas a pessoa com cancer,mas em todos q estão ao redor dela.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: